CLÁUDIO GELAPE

Clinica de cirurgia cardiovascular

Logo branca

Aprenda e se cuidar da sua saúde cardiovascular

Açúcar pode ser prejudicial à saúde do coração

Que a indústria dos alimentos pode ser bem perversa nós já sabemos. Mas que ela pode estar forjando informações e enganando o consumidor em relação ao consumo de açúcar… bem, isso não passava pela nossa cabeça, não é mesmo?

Ao contrário do que muitos pensam, o açúcar branco, além de ser uma das causas da diabetes e da obesidade, é também um dos vilões do coração, impactando nos níveis de colesterol e podendo levar a doenças cardiovasculares.

Pesquisas sobre esse tema vêm sendo desenvolvidas por diversas universidades americanas, já que o país é um dos maiores consumidores de açúcar no mundo. Segundo esses estudos, 16% da alimentação americana é baseada no consumo do produto. Para que esse valor não comece a afetar ainda mais a saúde da população, cientistas, médicos, pesquisadores e a Associação Americana do Coração começaram a abrir um dossiê que não permite mais esconder os malefícios do açúcar na dieta dos indivíduos.

Gordura saturada x açúcar branco

Por estar na base de quase todo alimento industrializado nos dias atuais, o açúcar é facilmente consumido acima da média. Refrigerantes, biscoitos, pães, bolos, leites e seus derivados são apenas alguns dos alimentos que trazem valores altos de açúcar em suas tabelas nutricionais.

Porém, até pouco tempo atrás, um dos grandes vilões do coração era a gordura saturada, que hoje é restrita e deve ser usada em dosagem mínima nos alimentos. Acreditava-se que a gordura saturada não conseguia ser metabolizada pelo corpo; enquanto isso o açúcar atacava silenciosamente, na falsa ilusão de que poderia ser consumido como fonte saudável de energia.

No entanto a verdade é bem mais amarga, mostrando que o açúcar consumido em grandes quantidades (quem nunca?) pode aumentar tanto a pressão arterial quanto o colesterol. A prova disso está em um estudo publicado no Journal of the American Medical Association Internal Medicine, mostrando que pessoas que consumiam de 17% a 21% de açúcar em sua dieta tinham 38% mais chances de morrer de doenças cardiovasculares em relação às que consumiam em torno de 8%.

O açúcar

Açúcar é um tipo de carboidrato cristalizado que pode ser encontrado de três formas:

  • sacarose, que é o açúcar de mesa;

  • lactose, presente no leite e derivados;

  • frutose, encontrado nas frutas.

O nosso consumo diário seria suficiente se fosse baseado apenas na frutose e em pouca lactose. O grande problema é que consumimos em escalas gigantescas a sacarose, a pior forma de açúcar existente. Os estudos americanos mostraram que ao consumir a sacarose diminuímos os índices do nosso bom colesterol (HDL) e aumentamos o índice de triglicerídeos – fontes de gordura que são benéficas para o corpo humano apenas em pequenas dosagens. Além disso, o consumo exagerado de açúcar também aumenta a produção de acetato, o precursor do colesterol produzido no fígado.

Diminuindo o consumo de açúcar

Nos EUA o médico Robert Lustig, que já escreveu diversos livros sobre o assunto, propõe leis restritivas ao consumo de açúcar. Sua proposta é limitar o acesso das crianças aos alimentos que contenham grande teor de açúcar, como biscoitos e refrigerantes.

A recomendação da Associação Americana do Coração é consumir não mais que seis colheres de chá, ou o equivalente a 100 calorias, de açúcar por dia. Isso para as mulheres. Os homens podem consumir até nove colheres, ou 150 calorias.

Alimentos naturais, como as frutas e alguns legumes (por exemplo a beterraba), e derivados do leite são as melhores fontes para obter dosagens naturais de lactoses e frutoses, esses sim benéficos para o coração e a saúde.

Confira abaixo alguns dos alimentos que contém grandes doses de açúcar branco (sacarose):

  • 1 pão francês – 2 colheres de sobremesa de açúcar.

  • 1 lata de refrigerante – 2 colheres de sopa de açúcar.

  • 1 colher de sopa de achocolatado – 1 colher de sopa de açúcar.

  • 1 barra de cereais – 1/2 colher de sopa de açúcar.

  • 1 xícara de cereal – 1 colher de sopa de açúcar.

  • 3 esfihas pequenas de carne moída – 1 colher de sopa de açúcar.

  • 3/4 de xícara de granola – 1 colher de sopa de açúcar.

  • 1 pote de iogurte – 2 colheres de sobremesa de açúcar.

  • 2 bolas de sorvete – 1 colher de sopa de açúcar.

  • 1 copo de suco de laranja industrializado – 1 colher de sopa de açúcar.